Qual a diferença entre transtornos e dificuldades de aprendizagem?

por: Entretanto

A dificuldade de aprendizagem é um termo global e abrangente pois sua origem pode relacionar-se com diferentes situações: métodos pedagógicos não assertivos, metodologias do educador, ambiente físico, assim como algumas causas relacionadas ao próprio aluno. De maneira geral as dificuldades podem ser passageiras e possíveis de serem solucionadas.

Já os transtornos de aprendizagem correspondem a um padrão de dificuldade (s) muito acima do esperado, considerando como parâmetro a capacidade cognitiva esperada para a faixa etária da criança e seu nível escolar.

Em termos práticos, pense na seguinte situação: uma sala com 25 alunos onde as mesmas condições de ensino são oferecidas a todos os alunos. Aquelas que possuem uma pequena dificuldade para compreensão da tarefa ou desempenho abaixo do esperado podem apresentar uma dificuldade de aprendizagem. Já os alunos que após a mudança no método de ensino e apoio extraclasse ainda continua com uma defasagem significativa no desempenho, indicam um possível transtorno de aprendizagem.

Diferentes áreas do conhecimento como a pedagogia, fonoaudiologia e neurociências destacam que interação da criança com o meio-ambiente é um dos fatores altamente decisórios em diferentes fases do desenvolvimento infantil, ressaltando os processos de socialização, linguagem e desempenho acadêmico.

O uso de instrumentos e testes por diferentes profissionais permitem uma análise sistematizada dessas dimensões da criança, direcionando a identificação precoce de um possível transtorno de aprendizagem.

Conteúdo originalmente publicado em Pearson Clinical.

Receba nossa News