12/04/2022

Conheça projetos que ensinam inglês para pessoas em vulnerabilidade social

O conhecimento da língua inglesa é um meio importante para que populações em estado de vulnerabilidade social possam ter a oportunidade de melhorar de vida.

Isso acontece porque o inglês é a língua mais conhecida do mundo e, em um mundo cada vez mais digital, saber essa língua é um conhecimento fundamental na vida das pessoas.

Por esse motivo, existem diversos projetos que ensinam inglês para pessoas em vulnerabilidade social. Garantindo que essas pessoas possam ter a oportunidade de conseguir mudar a sua realidade social.

Por isso, nós da Entretanto, criamos uma lista de projetos sociais que ensinam inglês para populações mais necessitadas e com esse aprendizado estão transformando a vida de pessoas. Confira:

Globalizando

Criado em 2019 por Carolina Barbosa Lindquist, o Globalizando é uma ONG que busca promover o ensino de idioma para todo o país.

Feito de maneira on-line, a iniciativa conta com aulas durante a semana de 2 horas e programas de capacitação não somente para os estudantes, mas também para os professores.

Além disso, o Globalizando acredita que é possível promover desenvolvimento sustentável, por isso em sua grade de conteúdo ensinados está a Agenda 2030 das Organizações das Nações Unidas (ONU).

Leia Também: Assistir “Friends” sem legenda ainda é um privilégio para poucos

English For All

Criado por um conjunto de professores, em 2004, o English For All tem o propósito de ensinar inglês para jovens. O projeto também acredita no desenvolvimento pessoal e profissional desses estudantes. 

O programa funciona entre a união da ONG com empresas que querem realizar uma educação complementar de adolescentes e jovens no inglês. Dessa forma, dando o material de apoio para as aulas.

We Are Jane

Em união com a Aliança Nacional LGBTI, a americana Jenna Marisco criou, em 2021, o projeto “We Are Jane.” Com o objetivo ensinar inglês de maneira gratuita para a população trans no Brasil. 

O projeto busca ajudar esse grupo social com base no conhecimento da língua inglesa. Sendo assim, uma forma de oferecer a esta população mais oportunidades de emprego.

Leia também: Inglês: autonomia e liberdade para mulheres

Entretanto

Entretanto Educação
Avalie o artigo
[Total: 0   Average: 0/5]
COMPARTILHE
PARTICIPE
Faça seu login
Avalie o artigo
[Total: 0   Average: 0/5]
COMPARTILHE
Outras matérias da mesma editoria