Entendendo o aluno e a si mesmo

por: Aline Castro

Quando somos estudantes e, ao mesmo tempo, professores, algo muda na nossa forma de olhar o mundo. Não só porque conseguimos enxergar em cada aluno o que já fomos – e ainda somos, mas porque também nos é possível notar e entender que cada pessoa com seu jeito único e seu talento ímpar possui maneiras diferentes de lidar e absorver conteúdos que são iguais para todos. É preciso entender as particularidades.

 

Ao falarmos de maneiras e boas práticas que corroboram no aprendizado paulatino e no estudo individual dos alunos, podemos subdividir o tema em três pontos principais:

 

1- Organizar a Rotina

 

Em meio a tantos compromissos e tarefas que os alunos possuem hoje em dia, estimulá-los a organizarem um tempo durante a semana para desenvolver o aprendizado e revisar o conteúdo é vital para seu crescimento intelectual. Esse estimulo deriva, geralmente, de uma conversa amigável em sala de aula para que o aluno possa entender o quão importante é ter contato com o assunto em diversos momentos da semana.

 

2- Encontrar a melhor maneira de estudar

 

Nem toda pessoa estuda da mesma forma. Algumas gostam de ler algo repetidamente até que o conteúdo seja memorizado, outras gostam de mapas mentais, folhas de questionários, imagens ou recursos de áudio-vídeo, como as famosas vídeo-aulas, que à muitos anos atrás não existiam. Quando o aluno percebe que ele é o principal responsável por seu método de aprendizado fora da sala de aula, deve não apenas encontrar aquele que mais se adéque de forma facilitadora, como também sempre renová-lo, a fim de aperfeiçoar a maneira com que o conhecimento está sendo por ele adquirido.

 

Leia mais sobre como aumentar a confiança do aluno.

 

Inspire-se com história de professor que promove podcasts para alunos de todo o mundo.

 

3- Eliminar todo e qualquer tipo de distração

 

Em um mundo em que a tecnologia já se faz presente até no universo das crianças, é cada vez mais difícil fazer com que as pessoas se concentrem em algo, visto que a todo tempo tudo e todos chamam à nossa atenção. Na hora dos estudos, é importante que tudo aquilo que nos distraia esteja distante, quer sejam aparelhos eletrônicos, barulhos ou até pessoas. Para um período de estudos produtivo, o ambiente além de agradável e silencioso deve amparar o aluno para que este absorva o conteúdo da melhor forma possível, fazendo com que o aprendizado se dê de forma mais fácil e proporcione uma experiência gratificante e produtiva.

 

Entre tantas maneiras de ajudar, creio que essas possam guiar o caminho dos estudantes de forma a auxiliá-los com seus desenvolvimentos e evoluções, tornando a rotina de estudos mais leve e fácil.

Receba nossa News